1

Colheita de Orégano

Na semana passada resolvemos dar uma merecida podada na nossa horta vertical de varanda. Dentre as coisas secas que mereciam ser cortadas estavam as flores (ou o que sobrou delas) do orégano. Eu já vinha incomodado com o formato das folhas do nosso orégano. Eu não conseguia entender como aquelas folhas se tornariam aquela paradinha que a gente compra no supermercado. Cheguei a imaginar que se tratasse de outra variedade, de folhas maiores e tal.

Não sei exatamente porque, mas lá pelas tantas eu resolvi pegar uma daquelas flores secas e esmagá-la para ver o cheiro. Não é bem a flor, tá, gente, é uma paradinha da qual brota a miniflorzinha branca do orégano, mas sei o nome. Qual não foi minha surpresa ao notar duas coisas: primeiro, ao debulhar a florzinha, ela se tornou naquelas minifolhinhas de orégano que vêm no saquinho do supermercado; segundo, o cheiro era exatamente aquele do saquinho do supermercado.

Isso é algo que eu já notei. Apesar de, em geral, se guardar grande semelhança nos aromas, há diferenças no aroma e no sabor de diferentes partes dessas plantas. A folha no caso do orégano tem gosto ligeiramente diferente do dessas pequenas pétalas (que podem ser até sementes, vai saber). Acontece o mesmo com o manjericão. Antes eu chamava aquele que vem no saquinho supermercado de “manjericão seco”, achando que eram folhas secas moídas. Mas não, são também partes da flor (testei aqui em casa e funciona igual ao orégano). E o gosto é ligeiramente diferente do gosto da folha também. Para a manjerona vale a mesma coisa e também vale lembrar da nossa amiga semente de coentro, que tem um gosto delicioso e completamente diferente do nosso amissíssimo coentro.

Houve ainda uma terceira surpresa: o rendimento. Do meu pequeno vasinho de varanda saiu orégano que dá pra um ano de consumo. É impressionante.

Temperos

GuGomes • 10/03/2012


Previous Post

Next Post

Comments

  1. Rafa Spoladore 14/03/2012 - 22:11 Reply

    Orégano fresco faz TODA a diferença. É bizarro só usarmos o desidratado.

Deixe uma resposta