Polenta, molho de tomate e calabresa

Esse jeito de fazer polenta não é muito mineiro pelo que eu pude apurar. A Priscila sempre olha e diz que – se fosse ela – deixaria engrossar um pouco mais. Mas eu sempre comi assim a gosto mais – é quase um creme. Normalmente se come com um molho de tomate com carne moída, mas eu fiz um molho um pouco diferente dessa vez (embora ainda de tomate, que é fundamental) e ficou delicioso. Ah! e usamos polenta integral também, que achamos no supermercado.

Ingredientes (para duas pessoas – estamos acertando na quantidade; incrível!)

– 2/3 de xícara de farinha de polenta integral
– 6 vezes a quantidade de água, mas você vai fazer o seguinte: 8/3 de xícara para ferver na panela e o restante (4/3) para misturar a farinha
sal
– 2 colheres de chá de orégano
– 2 colheres de sopa de salsa desidratada
– 1 colher de chá de noz-moscada
azeite de oliva
– 150g de linguiça calabresa cortada em fatias muito finas (mais ou menos 2mm de espessura)
– 1 lata de tomates pelados
– 3 dentes de alho picados em cubos
– 1/2 colher de sopa de pimenta-calabresa
– 2 colheres de sopa de vinagre balsâmico
– 1 colher de sopa de açúcar
– 2 colheres de chá de canela
– parmesão
fresco ralado

Vamos começar pela polenta. Coloque 4 partes de água na sua panela de pressão, 1 colher de sopa de azeite, um pouco de sal, a noz-moscada, metade do orégano e da salsa e leve ao fogo até a fervura. Num recipiente separado, dissolva a farinha no restante da água. Quando a mistura da panela atingir a fervura, despeje a mistura de farinha e tampe a panela. Depois que começar a chiar, deixe cozinhar por 18 minutos.

Enquanto isso, coloque as linguiças em uma panela e deixe-as fritando na sua própria gordura até que elas comecem a grudar no fundo da panela. Coloque então o alho, um pouco de sal, o açúcar e um golinho de azeite e deixe fritar mais um pouco (1 ou 2 minutos), sem queimar o alho. Coloque então o vinagre e tampe imediatamente a panela, pois vai espirrar muito. Mexa um pouco a panela tampada, em movimentos circulares para ajudar o vinagre a se misturar. Quando perceber que parou de espirrar, abra e misture bem, procurando tirar toda a borra do fundo da panela. Continue mexendo até reduzir o vinagre (ficar tipo um xaropinho).

Coloque os tomates com o suco que vem na lata e use um pouco de água para recuperar o que ficar preso à lata. Com a colher ou espátula que você estiver mexendo e mais outra colher, espátula ou faca, corte os tomates na própria panela, meio mal cortados. Coloque então os temperos todos, e deixe cozinhando em fogo baixo até que a polenta fique pronta.

Sirva a polenta em um prato fundo, coloque um pouco de molho por cima e polvilhe parmesão. Pronto!

Receitas

GuGomes • 18/09/2011


Previous Post

Next Post

Deixe uma resposta